Final de semana com os amigos da escola – Final

depilado. Eu o virei e comecei a chupar seu
pau. Primeiro a cabeça, depois tentando

engolir tudo, com uma mão eu massageava
suas bolas, com a outra eu me masturbava.

Então ele afastou minha cabeça, me deitou
no chão e começou a chupar meu pau,
agora com muita vontade. Ao contrário de
alguns minutos atrás, ele sabia que naquele
momento não era mais brincadeirinha.

Eu segurava sua cabeça, e enquanto ele
tentava subir, eu a empurrava para baixo. Um
momento depois, eu o levantei, e o coloquei
do jeito que ele estava no início: apoiado

no sofá com a bunda virada pra cima. Eu
olhei aquilo, aquela bunda redondinha,
bloqueando a visão de seu cu. Eu afastei
suas nádegas, dei uma última molhadinha
naquele buraco rosinha e então encostei a
cabeça do meu pau nele. Primeiro, eu fiquei
pincelando a região, esfregando por todas
as partes. Yuri falou, gemendo: “Enfia isso
logo aí”. Foi exatamente o que aconteceu: Eu
enfiei meu pau no seu cu. Primeiro, foi difícil
entrar, mas depois que a cabeça conseguiu,
o resto foi fácil. Eu bombei na sua bunda,

e então, fui até o fim, encostando minhas
bolas nele. Então, sem sair de dentro de seu
rabo, eu me sentei no sofá, e Yuri começou
a pular no meu pau. Enquanto ele cavalgava
em mim, eu comecei a bater uma punheta
para ele, que ficou louco de tesão. Quando
eu falei que ia gozar, ele não saiu de cima de
mim: Parou de pular, e começou a rebolar. E
foi desta forma que eu inundei seu cu com o
meu esperma.

Após um momento em cima de mim, ele

finalmente se levantou. Sem sair do sofá,
ele se virou para mim, colocando seu pau
na minha frente. Nesse momento, Gabriel
e Márcio entraram na sala. Como se fosse
algo muito normal, Márcio ficou de quatro,
na frente do sofá, e Gabriel começou a
bombar no seu cu. Então, vendo aquela
cena, eu comecei a chupar o pau de Yuri,
apertando a sua bunda com muito tesão.
Yuri logo ejaculou na minha boca. Para
minha surpresa, ele veio e me beijou na
boca, compartilhando com ele o seu próprio
esperma. Nossas línguas deslizavam uma
na outra.

Naquele dia eu descobri que era bissexual,

a parte importante termina por aqui, não
aconteceu nada no outro dia. Algumas
semanas depois eu comi Yuri novamente,
porém, não estávamos sozinhos: A
namorada dele também participou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *